Michelangelo
Mármore Branco do Paraná: tudo sobre uma das melhores pedras do mercado

Em 26 de agosto de 2021

O mármore branco é uma das pedras mais valorizadas na arquitetura mundial. Ela encanta não apenas pela sua estética, mas também pela sua resistência e versatilidade. Nossos mármores se destacam por sua qualidade e beleza presentes em vários lugares do mundo em projetos comerciais e residenciais. 

Características do mármore branco do Paraná 

O mármore branco do Paraná é formado pela combinação dos minerais dolomíticos ao longo de bilhões de anos. Lapidado carinhosamente pela natureza, cada parte extraída é diferente da outra, mas todas de rara beleza. Cada lote tem suas características próprias e dessa forma sempre trará sofisticação onde quer que seja utilizado.

As pedras extraídas das jazidas da Michelângelo em solo paranaense apresentam características únicas – é o caso do mármore branco da Michelangelo, que tem baixa porosidade e alta resistência. Por ser uma rocha sedimentar, diferentes minerais fazem a composição que dão origem aos lindos veios do mármore. Desta forma, o mármore pode ser aplicado em bancadas de cozinha, banheiros e áreas de alto tráfego. 

Outra característica marcante do mármore branco do Paraná é sua versatilidade. É possível observar sua presença em projetos arquitetônicos clássicos, modernos e contemporâneos – sempre como o verdadeiro protagonista. 

Importante destacar os processos cuidadosos na extração, tratamento e lapidação de nossas pedras. Cada peça ganha um toque único e exclusivo, respeitando a natureza de cada detalhe. A proposta da Michelangelo é trazer a beleza da diversidade das rochas através dos mais modernos processos de extração, gerando o menor impacto possível, valorizando a mão de obra local e o desenvolvimento das regiões onde está localizada.

Presença do mármore branco do Paraná na arquitetura nacional

Um dos destaques do mármore branco do Paraná na história da arquitetura do país é a sua presença no Palácio das Araucárias, no Centro Cívico de Curitiba, construído em 1953.

Conta a história que Juscelino Kubitschek esteve em Curitiba para a inauguração e se encantou com a beleza do mármore, que depois foi utilizado também na nova capital federal, Brasília.

Em obras na capital do país, o mármore começou a ser conhecido como Mármore Branco do Paraná. No Palácio do Planalto, podemos conferir as características do nosso mármore branco como aspecto geral (massa, veios e padrões).

A Michelangelo está em obras icônicas como os prédios da Pinacoteca e da Assembleia Legislativa, ambos na capital paulista, e nos Palácios do Planalto e da Alvorada, em

Brasília (DF). Fora do país, as lojas da grife Gucci receberam o Napoleon Bordeaux. A

Michelangelo está também no complexo residencial e comercial londrino One Hyde Park e também nas estações de trem de Berlim, na Alemanha.

Nada melhor do que contar com um produto nacional e de alta qualidade, não é? Entre em contato e descubra as belezas e características do mármore branco do Paraná!

Foto: Patrícia Amancio

× Agende seu horário